Streaming: nova plataforma Starz Play chega ao Brasil

Streaming: nova plataforma Starz Play chega ao Brasil

Serviço da norte-americana Lionsgate custa R$ 14,90 mensais e traz conteúdos originais e exclusivos

Netflix e Amazon Prime Video e outros serviços de streaming no Brasil ganharam mais um concorrente. Chegou ao país a plataforma Starz Play, da norte-americana Lionsgate, conhecida por produzir blockbusters como a franquia “Jogos Vorazes”, “Truque de Mestre”, entre outros. O serviço aporta por aqui com a mensalidade no valor de R$ 14,90 mensais e permite uso simultâneo em até quatro dispositivos. 

Período gratuito de 7 dias

Além de streaming, o Starz Play ainda oferece, dentro do valor da mensalidade, o download de conteúdo para consumo offline. A assinatura do serviço tem um período gratuito de 7 dias e é feita exclusivamente pelo aplicativo, que pode ser baixado na App Store e no Google Play. 

O app também possibilita a transmissão do conteúdo do Starz Play por meio de navegador desktop e em dispositivos iOS e Android, com suporte ao Chromecast. Já há um aplicativo para Android TV, mas outras plataformas de smart TV ainda não foram contempladas.

Conteúdo original do Starz Play

Além dos seus tradicionais sucessos, o catálogo do Starz Play terá séries exclusivas e originais, que serão lançadas simultaneamente com os Estados Unidos. 

Ainda sem presença no Brasil, as produções da Starz Play não são muito conhecidas por aqui. Mas em torno de 30 milhões de residências nos Estados Unidos têm acesso ao canal de TV fechada do grupo. Entre as séries exclusivas e originais estão: “The Act”, “Castle Rock”, “Black Sails”, “Vida”, entre outras. 

E para quem não quiser começar a pagar as mensalidades no escuro, é possível visualizar o catálogo antes de assinar.

Concorrência em um mercado aquecido

Conforme destaca o Tecnoblog, num mercado em efervescência, o Starz Play entra na concorrência com nomes já estabelecidos, como Netflix, Amazon Prime Video, Apple TV+, HBO Go, Fox+, Telecine Play, Globoplay, Paramount+ e PlayPlus. 

Encara, ainda, a concorrência pelo bolso e pelo tempo do espectadores de plataformas esportivas, como DAZN, Premiere Play, WatchESPN, Fox Sports e Esporte Interativo Plus. Além de aplicativos que estão inclusos nas assinaturas dos pacotes das operadoras de TV, como NET Now, Oi Play, Sky Play e Vivo Play. 

Sem contar outros grande lançamento que deve chegar ao país em 2020: o Disney+, que ainda não tem seu preço definido.

De acordo com Thaís Veloso, especialista em Telecomunicações da PROTESTE, o consumidor precisa entender seu perfil. E, em caso de mais de uma pessoa com acesso às plataformas, o perfil destes usuários também. 

“Desta forma, é possível entender qual é a melhor opção a ser adquirida. Caso as necessidades sejam comuns, é possível obter uma economia considerável. Caso isso não seja possível, basta atentar-se às plataformas que disponibilizam as programações de interesse. Utilizá-las enquanto estiver acompanhando uma série, por exemplo, e depois cancelar a utilização”, sugere Thaís.

Sabe aqueles momentos que você tem um problema mas não consegue resolver sozinho porque a empresa reclamada não está nem aí? São nesses momentos que a PROTESTE pode intervir e resolver para você! Conte com uma equipe em Defesa dos Consumidores e pare de se estressar!