Usuários devem atualizar WhatsApp após falha

Usuários devem atualizar WhatsApp após falha

Facebook confirmou que uma falha de segurança no WhatsApp permitiu a entrada de invasores nos aparelhos e recomenda que usuários atualizem aplicativo

Uma falha de segurança no WhatsApp permitiu que hackers instalassem um software espião em alguns telefones. O Facebook, proprietário do aplicativo, pediu que todos os 1,5 bilhão de usuários atualizem o aplicativo. Além disso, pede que mantenham seu sistema operacional atualizado. Segundo a empresa, essa é uma forma de proteger contra possíveis ataques destinados a comprometer as informações armazenadas em dispositivos móveis.

Como atualizar o WhatsApp

  • Entre no Google Play Store (para Android) ou na Apple Store (para iPhone);
  • Use a busca para procurar o aplicativo do WhatsApp e clique em atualizar;
  • Clique no aplicativo e verifique se o número da sua versão é igual às mais seguras divulgadas pela empresa (veja abaixo)

Caso faça o passo a passo e não encontre a opção de atualizar, seu aparelho pode estar configurado para atualização automática de aplicativos e a nova versão já foi instalada.

Segundo um comunicado divulgado no Facebook, a falha de segurança no WhatsApp afeta as versões do app anteriores a estas:

  • WhatsApp para Android v2.19.134;
  • WhatsApp Business para Android v2.19.44;
  • WhatsApp para iOS v2.19.51;
  • WhatsApp Business para iOS v2.19.51;
  • WhatsApp para Windows Phone v2.18.348;
  • WhatsApp para Tizen v2.18.15.

Além disso, para se precaver de novos golpes, é preciso tomar alguns cuidados. Por exemplo, não baixar e não compartilhar links e não distribuir mensagens de promoções. Além disso, com a onda de clonagem, faça a verificação do WhatsApp em duas etapas.

Ainda não conhece a PROTESTE? Clique aqui e entenda como ajudamos o consumidor a defender seus direitos.