O que esperar do Moto G8, Moto G8 Power e Galaxy S20+

O que esperar do Moto G8, Moto G8 Power e Galaxy S20+

Aparelhos, que serão anunciados oficialmente por Motorola e Samsung neste mês de fevereiro, foram homologados pela Anatel e já estão aptos para venda no país

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) homologou recentemente os aparelhos Moto G8 e Moto G8 Power, da Motorola, e o Samsung Galaxy S20+, da Samsung. Com isso, os três modelos, que serão anunciados neste mês de fevereiro, já estão autorizados para serem vendidos no Brasil. 

“O Moto G8, se comparado com a sua versão anterior Moto G7, tem uma tela bem piorada. E como imaginado, a diferença dele para o Moto G8 Power não será só a bateria, que seria o ‘Power’ do nome. A tela do modelo mais completo possui uma resolução melhor. Já os novos modelos Galaxy S20 e S20+ possuem fichas técnicas realmente muito boas, caso as informações vazadas estejam mesmo corretas”, afirma o pesquisador da PROTESTE, Thiago Leite Porto.

Datas dos lançamentos dos aparelhos

Os dois aparelhos da Motorola devem ser anunciados no dia 23 de fevereiro durante a feira Mobile World Congress (MWC), em Barcelona. Já o novo lançamento da Samsung será no dia 11 de fevereiro, na cidade de San Francisco, nos Estados Unidos, em um evento batizado pela marca como Unpacked 2020.

Moto G8 e Moto G8 Power

O consumidor precisa ficar atento às telas dos aparelhos. De acordo com o pesquisador da PROTESTE, o Moto G8 está prometendo uma resolução menor e menor quantidade de ppi (sigla em inglês para pixel por polegada), ficando abaixo de 300 ppi que é o máximo visto pelo olho humano. 

“Não será tão difícil para os consumidores mais entendidos do assunto conseguirem identificar os quadriculados nas imagens. O chipset interno do G8 é bem melhor e o aparelho vai se mostrar mais rápido”, afirma o especialista. 

Os novos smartphones da Motorola também trazem novidades nas câmeras. O jogo de câmera agora é triplo e possui uma wide principal, uma ultrawide para conseguir fotografar ambientes mais amplos e uma câmera dedicada para macro, um diferencial para quem gosta de tirar fotos de objetos pequenos. 

“Outra melhora do G8 está na bateria, que agora é de 4000 mAh e vai se mostrar mais duradoura que a de 3000 mAh da geração anterior”, disse o especialista.

No caso do G8 Power, apesar da resolução melhor da tela, que inclusive supera o modelo Moto G7 Plus, o chipset é igual ao G8. Thiago, no entanto, aponta as vantagens do modelo mais completo em relação ao outro.

“A câmera quádrupla tem as mesmas lentes do Moto G8, com uma a mais para fotos com zoom. Além disso, a bateria chega a 5000 mAh e vai durar mais do que o Moto G8, além de ter carregamento rápido em 18W”, analisou o pesquisador.

Samsung Galaxy S20+

Sobre os novos modelos Galaxy S20 e S20+, Thiago ressalta a alta qualidade da tela, que segue sendo uma AMOLED, tecnologia em que cada pixel funciona como um emissor de luz, o que deixa a imagem mais viva, e que promove uma melhor eficiência energética, com menos gasto de bateria. 

Mas o grande diferencial do modelo novo da Samsung, de acordo com Thiago, está nas quatro câmeras traseiras. 

“Uma das câmeras se destaca pelo sensor TOF, que permite mais precisão e profundidade de campo nas fotos. E, como esperado, a principal será a lente com sensor de 108 megapixels desenvolvido em parceria com a Xiaomi, grande diferencial da versão ultra. Provavelmente, esse sensor vai fazer bastante diferença nas fotos. Além disso, a bateria é de 5000 mAh, uma das mais altas do mercado”, diz Thiago.

Quando os aparelhos estiverem disponíveis no Brasil, a PROTESTE fará avaliações completas e divulgaremos em nosso comparador exclusivo.

Ainda não conhece a PROTESTE? Clique aqui e entenda como ajudamos o consumidor a defender seus direitos.